Azambuja garante no Paraná R$ 9,3 mi para silos e aviários de dois municípios

Os municípios de Aparecida do Taboado e Douradina vão receber nos próximos meses R$ 9,387 milhões em empreendimentos no setor aviário e armazenamento de grãos.

Reinaldo garante no Paraná verba para municípios de MS (Foto: Chico Ribeiro)
Reinaldo garante no Paraná verba para municípios de MS (Foto: Chico Ribeiro)

Os investimentos foram aprovados pelo FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) no ano passado e os contratos assinados na quarta-feira (3) no município de Cascavel (PR) na abertura do Show Rural Coopavel 2016, com as presenças do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e do governador do Paraná, Beto Richa (PSDB).

Segundo o Portal Notícias/MS, os contratos para liberação dos recursos destinados a esses empreendimentos foram assinados com o BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul), um dos agentes financeiros responsáveis pela liberação das linhas de crédito oferecidas pelo FCO.

Em Douradina serão investidos R$ 4,387 milhões de reais para a construção de dois silos com capacidade de armazenamento 7500 toneladas de grãos.

Setor aviário

Outros R$ 5 milhões que foram assinados e contratados na solenidade em Cascavel destinam-se à implantação de oito aviários no município de Aparecida do Taboado, com capacidade de produção de 307.200 aves/ano.

Esses empreendimentos são parte dos 210 projetos para construção de aviários aprovados no ano de 2015 pelo Conselho Deliberativo do FCO – que ao todo chegam a R$ 159,4 milhões.

“O fomento ao setor aviário em Mato Grosso do Sul é uma das prioridades na administração do governador Reinaldo Azambuja. A Semade, como gestora do FCO no Estado, também priorizou os projetos nessa área.

Em 2015 conseguimos atrair novos investidores e aprovar projetos muito importantes para a avicultura sul-mato-grossense. O que estamos fazendo é estruturar o setor rural para que tenhamos mais produtores integrados com as indústrias do setor”, informa o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck.

Entre as principais indústrias integradoras que vão absorver a produção desses aviários estão a Frango Bello, BRF Brasil Foods, Doux Frangosul (JBS) e Seara Alimentos. No caso dos empreendimentos em Aparecida do Taboado, a produção está integrada com a Frango Bello.

Os R$ 159,4 milhões aprovados pelo FCO em 2015 serão aplicados na instalação, construção e ampliação de 210 aviários nos municípios de: Aparecida do Taboado (8), Dois Irmãos do Buriti (4), Dourados (64), Glória de Dourados (24), Itaquiraí (12), Ivinhema (2), Jateí (18), Juti (2), Novo Horizonte do Sul (2), Rio Brilhante (4), Sidrolândia (64) e Vicentina (6).

Comentários

comentários