Aviões do Forró sobre assassinato de dançarina: horrorizados

Após saberem da morte da dançarina cearense Ana Carolina de Souza Vieira, de 30 anos, na última quarta-feira (4), a banda Aviões do Forró divulgou um comunicado lamentando o ocorrido.

A dançarina Ana Carolina de Souza Vieira - Foto: Reprodução
A dançarina Ana Carolina de Souza Vieira – Foto: Reprodução

“Há 12 anos, a dançarina Ana Carolina Vieira teve uma breve passagem pelo ballet do Aviões. ‘Carol’ viajou pouco mais de um mês em teste mas não ficou efetiva na banda. Embora o vinculo dela com os nossos vocalistas Solange Almeida e Xand Avião tenha sido quase zero, eles ficaram horrorizados com a informação por se tratar de violência vitimando uma jovem com um futuro promissor”, diz o comunicado.

Ana Carolina foi encontrada morta pelos zeladores de seu prédio na Rua Vergueiro, no Sacomã, na Zona Sul de São Paulo. De acordo com a polícia, o ex-namorado da dançarina, Anderson Rodrigues Leitão, foi preso por volta das 16h e vai responder por homicídio e ocultação de cadáver. Ainda segundo os policiais, ele confessou o assassinato por estrangulação e o motivo seria ciúmes.

De acordo com o boletim de ocorrência divulgado pela polícia, os zeladores do prédio onde a dançarina morava foram os primeiros a saberem da morte. Eles sentiram um cheiro forte vindo do 5º andar, foram até o local e perceberam que a porta estava destrancada. Ao entrar no apartamento, encontraram o corpo de Ana Carolina em uma cama, um ventilador ligado e muitos incensos acesos. A vítima teria morrido há cerca de três dias.

Suspeito é atacado nas redes sociais

Além de informar que o suspeito teria confessado o assassinato, a polícia divulga que ele tentou se matar em seguida. No Facebook, Anderson postou uma espécie de “despedida”, na tarde de ontem: “Deus tenha misericórdia das nossas almas. Adeus a todos”. Em seguida, teve a página invadida por comentários, como “assassino”, “covarde”, “marginal”, entre outros.

TERRA

Comentários

comentários