Atletas de MS faturam 14 medalhas no 2º dia das Paralimpíadas Escolares

O segundo dia de competições no atletismo nas Paralimpíadas Escolares foi repleto de conquistas para Mato Grosso do Sul. Os atletas subiram ao pódio 14 vezes: dois ouros, sete pratas e cinco bronzes. Até agora, os sul-mato-grossenses já faturaram 27 medalhas em São Paulo. A meta é bater as 38 conquistas de 2015.

para-escolares

As medalhas conquistadas na quinta-feira vieram das provas de campo e de pista. O destaque ficou por conta do arremesso de peso. Graziela Ferreira foi bronze na classe F20 B com a marca de 8,11m. Outros quatro atletas ficaram com a medalha de prata: Ana Júlia (F12 B), com 3,72m; Edson Fernandes (F20 A) com 7,92 metros; José Mário (F34 A) com 3,15 m; e Carla Regina (F37 B) com 4,63 m.

No lançamento de pelota, mais três medalhas. Ouro para Omizia Santos na F40 A com 11,80m; prata para Daiane Benites na classe F37 A, com 21,09m; e bronze para Nínive Leite na classe F13 B. Igor Miranda atingiu a marca de 5,22 metros no salto em distância da classe T13 B e ficou com a prata.

As outras cinco medalhas de Mato Grosso do Sul foram conquistadas nas provas de pista. Nos 100 metros rasos foram três bronzes: Joelma Lacerda na T13 A, Daiane Benites na T37 A e Graziela Ferreira na T20 B.

Nos 800 metros, Joelma Lacerda foi ainda melhor e garantiu o ouro na T13 A. A atleta soma três medalhas na competição. Ela já havia subido no lugar mais alto do pódio nos 200 metros rasos. A prata de Brayan Félix (T35 A) nos 1.500 metros completou as conquistas sul-mato-grossenses no segundo dia do atletismo das Paralimpíadas.

FUTEBOL DE 7
O time sul-mato-grossense de futebol de 7 segue dando show nas Paralimpíadas Escolares. Na semifinal, meninos golearam Santa Catarina por 15 a 0 – mas pelo regulamento da competição, o placar máximo é de 10 a 0. Na final, o adversário será o time do Rio de Janeiro.

Comentários

comentários