Atirador é morto após balear três médicos em hospital dos EUA

Um tiroteio em um hospital da cidade de Nova York, nos Estados Unidos da America, deixou “diversos feridos” e um atirador morto nesta sexta-feira (30), informa a polícia local. O caso aconteceu no Bronx Lebanon Hospital.

O jornal “New York Times” diz que “pelo menos três médicos foram baleados”, citando uma autoridade dos bombeiros. Relatos iniciais indicavam que cerca de 6 pessoas ficaram feridas, segundo outra autoridade ouvida pelo jornal, mas não está clara a condição delas. Essa autoridade também afirma que há relatos de que o atirador fosse um ex-funcionário do hospital, mas a informação não foi confirmada.

Homem abre fogo dentro de hospital em Nova York, nos EUA
Homem abre fogo dentro de hospital em Nova York, nos EUA

O jornal também afirma que, em uma transmissão de rádio, a polícia descreveu o atirador como um homem alto e magro, vestindo uma camiseta azul e um jaleco branco.

Em sua conta no Twitter, a polícia pediu que a área do Bronx Lebanon Hospital fosse evitada. O hospital fica na região da rua 173rd Street com a Grand Concourse.

“Devido a relatos sobre um incidente com tiros no Bronx Lebanon Hospital, evite a área da Grand Concourse. Mais informações a seguir”, diz o alerta da polícia.

Fachada do Bronx-Lebanon Hospital Center, em Nova York (Foto: Reprodução/Google Street View)

Fachada do Bronx-Lebanon Hospital Center, em Nova York (Foto: Reprodução/Google Street View)

Comentários

comentários