Aproximação do Tufão Dujuan deixa China em alerta máximo

Autoridades chinesas decretaram hoje (29) alerta máximo para o Sudeste do país devido à chegada do Tufão Dujuan, que causou dois mortos e cerca de 300 feridos em Taiwan, informou a agência Xinhua.

Cerca de meio milhão de pessoas ficaram sem eletricidade em Taiwan, após a destruição causada pelo tufão no norte da ilha.

O vento forte arrancou tetos e derrubou árvores, enquanto a chuva provocou deslizamentos de terra.

Foto: David Chang/Agência Lusa
Foto: David Chang/Agência Lusa

Mais de 12 mil pessoas foram retiradas de suas casas e cerca de 3 mil, transportadas para abrigos, segundo as autoridades.

Nas províncias chinesas de Zhejiang e Fujian, milhares de barcos tiveram de retornar à costa. Em Fujian, todos os voos para esta terça-feira foram cancelados.

Após passar por Fujian, o tufão diminuirá de intensidade e atingirá a província vizinha de Jiangxi.

Agência Brasil

Comentários

comentários