Após bebedeira, funcionário é empurrado pelo patrão, bate a cabeça e morre em Aquidauana

Espedito Lima da Silva, 51 anos, morreu na tarde de ontem (13), após cair e bater a cabeça em uma mureta depois de ser empurrado pelo patrão. O caso aconteceu em uma chácara de Aquidauana, a 137 quilômetros de Campo Grande.

download

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima estava com o patrão, identificado como Marco Antônio Feitosa, 55 anos, ingerindo bebida alcoólica na chácara onde trabalhava há quatro meses. Em determinado momento, a dupla começou a discutir sobre a maneira com que a vítima cuidava dos animais da chácara.

Após a discussão, a Espedito teria falado para Marco que não retornaria mais ao local, momento em que foi empurrado, caiu e bateu a cabeça em uma mureta. Ele chegou a levantar, mas caiu de novo.

A vítima foi socorrida por uma equipe do Corpo de Bombeiros e encaminhada ao hospital da cidade, mas não resistiu e faleceu.

O caso foi registrado como lesão corporal seguida de morte na 1ª Delegacia de Polícia Civil da cidade.

Kerolyn Araújo

Comentários

comentários