Ao tentar evitar roubo, dono de oficina é morto a marretadas por dois homens

Carlos Mancuzo, dono de uma oficina mecânica, foi assassinado a marretadas por dupla que queria roubar o local. O crime aconteceu por volta de 13h30 de ontem (14) em Angélica, sul do Estado.

Local onde a vítima foi morta a marretadas (Foto: Jornal da Nova)
Local onde a vítima foi morta a marretadas (Foto: Jornal da Nova)

De acordo com informações do site Jornal da Nova, Mancuzo chegou na oficina após o almoço para trabalhar quando, segundo testemunhas, dois homens que estavam no local entraram em luta corporal com ele.

As testemunhas disseram à polícia que a dupla queria roubar a oficina. A vítima levou vários golpes de marreta na cabeça, foi amarrada com uma corrente e o corpo arrastado para um cômodo da oficina.

O irmão de Carlos, que encontrou o corpo, acionou a polícia. O local foi isolado até a chegada do Núcleo de Perícias da Polícia Civil de Nova Andradina.

Na região onde ocorreu o crime há câmeras de segurança que poderão auxiliar nas investigações.

Ninguém foi preso.

Comentários

comentários