Aluno que esfaqueou professor se apresenta à polícia e é liberado

Da Redação/JN

O aluno que esfaqueou o diretor da Escola Estadual Antônio Fernandes em Naviraí se apresentou à polícia, foi ouvido e liberado. O educador de 36 anos passou por cirurgia para retirada de líquido do pulmão e continua internado na Santa Casa do município.

Em nota, a Secretaria de Educação do Estado (SED) disse que lamenta o que aconteceu e que a Coordenadoria Regional de Educação de Naviraí acompanha a recuperação do diretor e está à disposição da polícia.

O aluno esfaqueou o diretor que também é professor pela advertência porque ele estaria usando droga. Além do pulmão, a vítima foi ferida no braço e está se recuperando na enfermaria do hospital.

Esfaqueamento

As imagens divulgadas pela Polícia Civil mostram o momento em que o diretor chama a atenção do estudante, que estaria fumando maconha dentro do colégio. Eles conversam por alguns instantes e logo depois o educador se afasta.

O estudante vai atrás do diretor e dá duas facadas. O professor cai, logo se levanta e consegue se afastar. O adolescente pula o muro da escola e foge.

Delegado responsável pelas investigações, Claudineis Galinari, disse que o adolescente foi à delegacia acompanhado dos pais, prestou depoimento, onde confessou o ato infracional e foi liberado.

“Ele chorou muito, mas muito mesmo, disse que está muito arrependido, agora que viu o que fez”, disse o delegado.

Conforme Galinari, já foi feito o pedido da internação provisória do adolescente e polícia aguarda decisão da justiça.

Estudante não tem passagens pela polícia e caso está sendo investigado como tentativa de homicídio.

Comentários

comentários