Alex do PT registra candidatura a prefeito

A coligação entre o PT e PCdoB, que acredita na força de Alex do PT para disputar a prefeitura de Campo Grande, foi a segunda a ser registrada nesta segunda-feira (15). O Partido dos Trabalhadores e o PC do B se uniram em uma chapa com Alex do PT como candidato a prefeito e Mario Fonseca (PC do B) como vice.

Ele chegou ao prédio dos cartórios eleitorais, junto com o candidato a vice Mario Fonseca, do PC do B
Ele chegou ao prédio dos cartórios eleitorais, junto com o candidato a vice Mario Fonseca, do PC do B

A chapa proporcional registrou 43 nomes como candidatos a vereadores, sendo 17 do PC do B e o restante do PT. Após o registro, Alex afirmou que declarou uma casa de R$ 167 mil e um carro no valor de R$ 30 mil como patrimônio. O petista acredita que o diferencial do pleito em 2016 será uma campanha sem ataque pessoal.

Alex assegurou que sua candidatura nada tem a ver com seu rompimento com o prefeito AlCid Bernal, do PP que tentará a reeleição. Alex foi líder de Bernal na Câmara, mas se afastou após desentendimento com o chefe do Poder Executivo.

“Minha candidatura nada tem a ver com o passado, mas sim com o presente. Já tive quatro mandatos como vereador, a candidatura a prefeito é um caminho natural”, justifica.

Alex quer ser uma alternativa entre o passado e o presente. “As gestões do passado deixaram deficiências que apareceram agora. E o presente não deu conta da demanda”, afirma.

Do seu plano de governo, o petistá destaca melhorias na mobilidade urbana, e a conclusão de obras paradas como de Ceinfs.

Hoje é o último dia para registro de chapas e coligações que pode ser feito até às 19h no prédio da Justiça Eleitoral, no Parque dos Poderes.

Comentários

comentários