Adolescente morre ao fazer selfie com a arma do pai e atirar em si mesmo

Um adolescente indiano morreu após ter atirado na própria cabeça enquanto fazia uma selfie com a arma de seu pai. Segundo o “Indian Express”, Ramandeep Singh, de 15 anos, estava posando para uma foto na última sexta-feira à noite, quando ele puxou o gatilho da arma em vez de clicar para tirar a foto.

1indiano

Ele chegou a ser levado para um hospital em Ludhiana, en Punjab, após vizinhos ouvirem o tiro e chamarem os pais do menino, que não estavam em casa. Ele não resistiu ao ferimento e morreu neste domingo.

Ramandeep usou a arma do pai, Ramandeep Gurkirpal Singh, uma pistola calibre 32, que ficava guardada num armário da casa, segundo o chefe de polícia, Manoj Kumar. “O pai e a família do menino disseram que ele estava tentando tirar um autorretrato com a arma”, disse Kumar.

A imprensa indiana acompanhou o caso do adolescente, e o drama da família.

Segundo o “Telegraph”, as autoridades indianas têm demonstrado preocupação com mortes durante selfies. O país concentrou, no ano passado, quase metade das 27 mortes registradas em todo o mundo durante selfies.

Somente este ano, no país, um homem foi ferido por um elefante enfurecido, enquanto posava para uma selfie, e um adolescente em Chennai foi morto por um trem. Na cidade de Mumbai há alertas em 16 zonas perigosas para selfies, locais onde as pessoas podem cair e morrer.

Comentários

comentários