Ação da PF desarticula quadrilhas especializadas no furto de caixas eletrônicos

A Polícia Federal e o Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro fazem hoje (28) uma operação contra duas organizações criminosas que, suspeita-se, sejam chefiadas por policiais militares. Os policiais federais estão cumpridos nove mandados de prisão e dois mandados de busca e apreensão. Outros suspeitos de integrar as quadrilhas já tinham sido presos em flagrante.

Polícia-Federal-Autorizado-concurso-para-Agente-de-Polícia

Ao todo, 21 pessoas foram indiciadas pela Polícia Federal, pelos crimes de furto qualificado e organização criminosa. Os grupos são suspeitos de furtar caixas eletrônicos, com maçaricos, serras e furadeiras.

Segundo as investigações policiais, os grupos recrutavam criminosos de outros estados, especialistas na técnica de corte de caixas eletrônicos, principalmente de Santa Catarina. O nome dos envolvidos não foi divulgado.

Agência Brasil

Comentários

comentários