2ª Feira do Trabalho acontecerá em setembro com 63 parceiros e presença de Ministro

Lúcio Borges

A Superintendência do Trabalho de Mato Grosso do Sul lançou nesta quarta-feira (16), a 2ª Feira do Trabalho de MS, que será realizada dia 02 de setembro, mostrando a importância da ação com ampliação considerável de serviços e entidades ante a realização de sua primeira edição no mês de junho, em parceria com a Câmara de Vereadores de Campo Grande. O projeto que iniciou de forma ‘pequena’ visando atender a população, já no evento realizado surpreendeu com atendimentos que chegaram a 1,8 mil de pessoas entre 25 serviços parceiros, que agora se ampliou. A amplitude dos benefícios gerados para atendimento à população nesta próxima edição contará com 63 entidades que já confirmaram participação no evento que será realizado na UFMS (Universidade Federal de MS).

O superintendente do Trabalho, Vladimir Struck apresentou toda a nova estruturação ganhada pela importância do evento, anunciando também que a nova ação, contará até com presença do Ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, para abertura da Feira, que vem ‘conhecer in loco’, o que já ouvi falar que foi sucesso e poderá ser levado como exemplo para o Ministério do Trabalho realizar pelo Brasil. “Começamos modesto com 25 entes do setor público, e agora, já está com o corpo de 63 parceiros, com vistas a chegar mais gente até o dia de nossa realização dia 02. O sucesso vem diante do lançamos e realizamos na primeira edição, que foi entendida objetivo, abraçada e também ‘alastrada’ pela parceira da Câmara Municipal. Unimos as instituições e a política sócio-administrativa para levar ou beneficiar o cidadão. O avanço vemos com a procura para se juntar ao projeto e de irmos para UFMS”, falou Struck.

Struck menciona que além dos grandes números de novos parceiros, que odos tem sua importância, mas a ida a UFMS, mostra o lastro do é ou pode ser o trabalho desta Feira. “Aumentamos tudo isso em número, indo de 25 para 63, com o devido trabalho e grande importância de cada entidade e seus préstimos. Mas, um avanço significativo ou símbolo é a inserção e realização da Feira na UFMS, porque é o meio de onde está ou tem o cidadão para fazermos a parceria em todas as áreas no mundo acadêmicos e no meio/dentro ou ao redor dos que querem e irão receber todos os serviços”, ressalta o superintendente.

Hoje, o evento de lançamento ou como foi definida em ser uma “Reunião de Integração para a 2ª Feira do Trabalho MS”, o objetivo era fazer a propagação do evento, apresentando os novos parceiros, que são muitos e podem também atrair mais gente para o trabalho a ser realizado. Como ainda, mostra as novidades já mencionadas, como outras em parte de Cultura e Esporte, que serão adicionadas. “A 2ª Feira terá os 25 importantes parceiros que iniciaram, com os órgãos da Prefeitura e Governo Estado, e, teremos os outros 40 que chegaram com todo seu peso de serviços a serem prestados, como o Sistema S (Sesi, Sesc, Senai), Fiems, Fecomércio, Abrasel entre parceiros privados, que com sua importância podem atrair mais parceiros ainda. Teremos ainda mais ação om plataforma Cultural e Esportiva para incrementar nosso dia”, revelou Struck

Serviços

A realização da 2ª Feira do Trabalho de Mato Grosso do Sul, oferecerá os 63 parceiros com cerca de 100 serviços públicos e gratuitos à população. A população poderá emitir Carteira de Trabalho, CPF (Cadastro Único de Saúde) e cédula de identidade, além de terem acesso a atendimento médico, cadastro de currículo e oportunidades de emprego. Com foco no mercado de trabalho, a Feira ainda realizará palestras sobre trabalho infantil. São previstas a emissão de carteiras de trabalho, carteiras de identidade, mamografias, exames PSA ( Antígeno Prostático Específico) para diagnóstico do câncer de próstata, dentre outros.

Comentários

comentários